Urandir News – Notícias Internacionais

Casa Branca não participará de defesa de Donald Trump em inquérito de impeachment e chama processo de sem base  Just True Urandir Pesquisa Ciencia Ufologia Tecnologia  f66a 2019 12 06t201249z 14742273 rc2wpd9dlov7 rtrmadp 3 usa trump   urandir   MUNDO   Casa Branca não participará de defesa de Donald Trump em inquérito de impeachment e chama processo de sem base
Em carta ao Comitê de Justiça da Câmara, a Presidência norte-americana disse que o inquérito de impeachment é ‘completamente sem base’. Presidente dos EUA, Donald Trump, durante coletiva de imprensa na Casa Branca nesta sexta-feira (6)
Kevin Lamarque/Reuters
A Casa Branca não levará advogados às sessões do processo de impeachment contra o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, informaram veículos de imprensa norte-americanos nesta sexta-feira (6).
A Presidência norte-americana tinha até as 17h (19h, de Brasília) para comunicar se a defesa participaria ou não das audiências na Câmara dos Representantes, o que, segundo as emissora NBC e Fox News e o jornal “Washington Post”, não ocorreu.
Em carta enviada ao chefe do Comitê de Justiça da Câmara, Jerry Nadler, a Casa Branca chamou o inquérito de impeachment “completamente sem base” e disse que o procedimento “violou os princípios básicos do devido processo e da justiça fundamental”.
Câmara dos EUA inicia processo formal de impeachment do presidente Donald Trump
“Os democratas da Câmara desperdiçaram muito tempo dos EUA com essa farsa. Vocês devem encerrar esse inquérito agora e não perder ainda mais tempo com oitivas adicionais”, diz o texto.
Os parlamentares do Partido Democrata, de oposição a Trump, devem começam nesta sexta-feira quais acusações serão apresentadas contra Trump. O prazo para que os chamados “artigos do impeachment” sejam recomendados para o plenário se encerra na próxima quinta-feira (12).
Os passos do impeachment
Relatório do inquérito de impeachment contra Donald Trump apresentado nesta terça-feira (3)
Jon Elswick/AP Photo
Na quarta-feira, o Comitê de Justiça ouviu três especialistas em Direito Constitucional convocados por parlamentares democratas que disseram que Trump cometeu delitos puníveis com um impedimento. Um quarto especialista convocado por republicanos classificou o inquérito como apressado e falho.
Entretanto, mesmo se o impeachment passar na Câmara, Trump não perde o mandato — nos EUA, a cassação só ocorre após julgamento no Senado, onde o presidente leva vantagem porque o Partido Republicano detém a maior parte das cadeiras. Entenda na arte abaixo.
Gráfico mostra quais os possíveis desdobramentos do processo de impeachment de Donald Trump
Guilherme Pinheiro/G1
Initial plugin text

Urandir – Notícias Internacionais
Matéria original publicada em globo.com