Tecnologia & Ciencia – Urandir – Just True News

O que o Justiceiro representa pode não estar claro para todos os fãs. Ao menos, é isso que o criador, Gerry Conway, afirma. Em entrevista ao SYFY Wire, há autoridades, como policiais e militares, que usam o símbolo da persona de Frank Castle, e que isso “é perturbador”.

Ele explica que “para mim, é perturbador ver autoridades usando o ícone do Justiceiro porque o Justiceiro representa uma falha no sistema judiciário. Ele indica o colapso da autoridade moral e a realidade de que algumas pessoas não podem depender de instituições, como a polícia ou forças militares, para agir de forma justa e capaz”.

Ele continua, dizendo que “o anti-herói justiceiro é fundamentalmente uma crítica ao sistema judiciário, um exemplo de falha social, então quando policiais colocam caveiras do Justiceiro nos carros ou militares usam emblemas da caveira do Justiceiro, eles se colocam do lado dos inimigos do sistema. Eles abraçam uma mentalidade de marginal. Se você pensa que os atos do Justiceiro são justificados ou não, se você admira o código de ética dela, ele continua sendo um marginal. Ele é um criminoso. A polícia não deveria adotar um criminoso como símbolo”.

O personagem criado por Conway voltará a ser destaque na série de mesmo nome, disponível na Netflix a partir de 18 de janeiro. Recentemente, a produção recebeu um novo trailer, mostrando Frank Castle furioso.

Inscreva-se no canal do IGN Brasil no Youtube e visite as nossas páginas no Facebook, Twitter, Instagram e Twitch!

Tecnologia – Urandir – Just True News
fontes: Urandir News & Record Tecnologia www.r7.com