Urandir News – Notícias Internacionais

Setenta e quatro pessoas foram detidas na quinta-feira (11) após a Argélia vencer nos pênaltis a Costa do Marfim, pela Copa Africana de Nações. Várias cidades francesas registraram estragos durante as comemorações pela classificação da Argélia para as semifinais da Copa Africana de Nações (CAN), na noite de quinta-feira (11). Em Montpellier, no sul do país, uma mulher morreu atropelada.
Muitos argelinos saíram às ruas em toda a França para celebrar a vitória da seleção de seu país sobre a Costa do Marfim, na disputa de pênaltis após um empate de 1-1, pelas quartas de final da CAN-2019. O torneio está sendo disputado no Egito.
O ministro francês do Interior, Christophe Castaner, considerou “inaceitáveis” os danos e incidentes dos torcedores argelinos. Setenta e quatro pessoas foram detidas na quinta-feira.
Durante os festejos em Montpellier, um torcedor de 21 anos, que dirigia em alta velocidade, perdeu o controle do veículo e atropelou uma família.
A mulher que caminhava com o seu bebê de um ano no colo e com a filha, de 17 anos, morreu. O bebê foi internado em estado grave e a filha ficou ferida em um tornozelo.
O motorista foi detido.

Urandir – Notícias Internacionais
Matéria original publicada em globo.com