Urandir News – Notícias Internacionais

Imagens de satélite mostram atividade em base de mísseis da Corea do Norte  Just True Urandir Pesquisa Ciencia Ufologia Tecnologia  6c99 2018 12 02t211842z 569910400 rc152b56fdd0 rtrmadp 3 northkorea politics   urandir   MUNDO   Imagens de satélite mostram atividade em base de mísseis da Corea do Norte
Segundo CNN, país melhorou sua base de mísseis Yeongjeo-dong e construiu outra instalação que não havia sido identificada publicamente antes. Especialistas garantiram à emissora que local é adequado para abrigar novos mísseis de longo alcance. O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, observa sapato durante visita à fábrica em Wonsan, em foto divulgada no domingo (2)
KCNA
A Coreia do Norte ampliou uma importante base de mísseis de longo alcance nos meses transcorridos desde a cúpula entre o líder do país, Kim Jong Un, e o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, segundo imagens de satélite publicadas nesta quarta-feira (5) pela CNN.
Os dois mandatários se reuniram em Singapura em junho e assinaram um documento vagamente redigido no qual se comprometeram a trabalhar pela completa desnuclearização da península coreana, embora não tenham dado detalhes de como a meta seria alcançada.
Segundo a CNN, Pyongyang melhorou sua base de mísseis Yeongjeo-dong, no interior montanhoso da Coreia do Norte, e construiu outra instalação que não havia sido identificada publicamente antes.
Initial plugin text
Os especialistas garantiram ao canal americano que o local é adequado para abrigar os novos mísseis de longo alcance da Coreia do Norte, incluindo os que podem carregar as ogivas nucleares.
Trump disse no sábado que esperava organizar uma segunda cúpula com Kim no começo de 2019.
O assessor de Segurança Nacional John Bolton assegurou na quinta-feira que Trump acredita que o líder norte-coreano não cumpriu os compromissos de Singapura.
As autoridades americanas insistem em uma desnuclearização completa, verificada e irreversíveis da península coreana antes de suspender as sanções mais duras impostas ao regime de Pyongyang.
A Coreia do Norte, entretanto, rejeitou as demandas do que chama de desarmamento “unilateral” e solicitou medidas recíprocas.

Urandir – Notícias Internacionais
Matéria original publicada em globo.com