Celebridades News – Urandir – famosos

Com trabalho atrás de trabalho nas passarelas e nas campanhas de grifes, Gigi Hadid tirou alguns dias de folga para realizar uma viagem à África, mais precisamente para o Senegal, em parceria com o UNICEF, organização da qual é embaixadora, e visitou algumas instituições sociais com trabalhos voltados às mulheres e crianças. 

Em seu perfil no Instagram, a modelo mostrou um pouquinho da sua visita nas organizações apoiadas pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância em algumas cidades do país, começando pela capital, Dacar. Nela, Gigi passou por um local que cuida de mulheres de qualquer idade que sofreram abuso sexual e acabaram evitadas por suas famílias – na região, isso é um ato comum.

Hoje nós visitamos um abrigo para garotas e mulheres que sofreram abuso, localizado em Dacar e apoiado pelo UNICEF. Depois de serem atacadas sexualmente e até engravidadas depois de um abuso, é comum que essas jovens sejam evitadas por suas famílias e expulsas de casa. Algumas mulheres chegam aqui de regiões bem rurais. Outras até saem de seu países para serem auxiliadas aqui (inclusive, uma garota que conhecemos hoje veio da Líbia). [...] O conhecimento a respeito dos abrigos acontecem pelo clássico ‘boca a boca’”, explicou Hadid na legenda de umas de suas postagens.

Ela ainda contou que “funcionários e voluntários dessas casas, administradas pela fundadora Mona Chasserio e sua colega, Danielle Hueges, encorajam as meninas a compartilharem e descobrirem a comunidade através das dificuldade qeu enfrentaram.”

Logo depois, a loira se locomoveu até Kolda a fim de saber um pouco mais sobre algumas escolas que têm revolucioado as maneiras de ensinar por meio de brincadeiras e ferramentas, como o “escola na caixa”, além de o ensinamento de uma segunda língua. No caso, as crianças começam a aprender francês logo na pré-escola. 

Outra atividade na cidade é a inclusão de cursos preparatórios para professores como forma de aprimorar os profissionais presentes no local.

Continuando sua saga, Gigi Hadid parou em Bagadadji para conhecer os postos de saúde que trabalham para auxiliar as futuras mamães e as mulheres com os seus filhos. “Esses postos funcionam principalmente no registro dos recém-nascidos, na vacinação, prevenção de doenças, proteção,  protection, consulta médica gratuita para crianças até os cinco anos e na conscientização da comunidade sobre a higienização”, descreveu.

Nessa aventura humanitária, Gigi passou por um workshop digital voltado para o público feminino em Kolda, com o objetivo de oferecer ás mulheres alguns cursos na área tecnológica. “Essas garotas foram tão inspiradoras! E elas querem que você saiba que elas são líderes inteligentes e tão competentes quanto as mulheres das áreas urbanas; elas só querem receber as ferramentas para ter sucesso!”, exclamou.

Na última quarta-feira (11), a visita se encerrou em um vilarejo com uma população de 237 pessoas apenas, localizada na fronteira com a Guiné-Bissau. Ali, acompanharam os sitemas dos moradores para aumentarem os níveis de higiene e as campanhas para trazerem mais informações a eles, inclusive ao público feminino, oferecendo conhecimento a repeito da menstruação. No vilarejo, as garotas entenderam a importância do uso de absorventes com uma forma reutilizável no produto.

Trabalho árduo

A modelo adora usar a sua plataforma para promover as atividade realizadas pelo UNICEF. Em novembro, ela comemorou a construção de uma escola em uma região de Gana, também na África. Pouco antes, Hadid relembrou a viagem feita até Bangladesh para ver de perto os resultados transformadores de um centro para refugiados.

Bella Hadid doa árvores para compensar impacto ambiental

Celebridades News – Urandir – famosos
fonte: ofuxico.com.br